05 dez

Chocolate?! Não… é Alfarroba! – Por Fernanda Uliana

Oi gente, tudo bem com vocês?

Hoje vou falar sobre uma semente que tem feito sucesso atualmente, que por algum motivo, seja dieta, alergia ou até mesmo promessa, riscou o chocolate do cardápio. Trata-se da alfarroba.

Fruto da Alfarrobeira, árvore nativa do mediterrâneo, a semente de alfarroba quando torrada e moída se transforma em um pó, usado como um possível substituto do cacau, devido a semelhança no sabor.

Naturalmente doce, a Alfarroba dispensa o uso de açúcar na fabricação de seus produtos. Além disso, é isenta de glúten, lactose, cafeína e possui um menor teor de gordura que o cacau. Porém, em contra partida, o cacau tem maior concentração de antioxidantes e maior número de estudos comprovando seus benefícios.

Alfarroba

E nessa hora, surge a dúvida. Quando “bater” aquela vontade de comer um docinho, qual escolher? A alfarroba ou o chocolate, que tem o cacau?

Como nutricionista, eu indico a alfarroba como opção apenas nos casos em que a pessoa tem algum efeito adverso ao cacau, como alergia ou enxaqueca, por exemplo. Também recomendo para quem tem intolerância à lactose.

No entanto, é preciso cautela e muita atenção nas informações nutricionais dos produtos. Os doces com alfarroba não devem ser consumidos diariamente, pois costumam ter adição de muita gordura saturada, pra ficar com as características parecidas com as do chocolate. Existem vários produtos com alfarroba: barrinhas com frutas, creme de alfarroba com avelã, barras, tabletes ou em pó.

Alfarroba2

Ah… e se a sua opção for pelo chocolate, prefira aquele com maior percentual de cacau, no mínimo 65%, que pode ser encontrado em lojas especializadas em chocolates.

E aí, gostaram? Beijos,

Comente